Banco de sangue canino é aberto em Curitiba

Curitiba agora conta com um banco de sangue canino. Cães que tenham sido vítimas de atropelamento ou tenham doenças como câncer podem passar por transfusão de sangue. A necessidade de estocar sangue canino surgiu da necessidade de um grupo de veterinários em ter sangue disponível nesses casos, como explica o auxiliar de médico veterinário Leandro Araújo.

Uma bolsa de sangue coletado pode ser desmembrada em outras três, de hemácias, plaquetas e plasma. O sangue ficar estocado por até um ano. A intenção do banco é oferecer sangue para hospitais veterinários escola, que costumam atender com preços mais acessíveis.

Os dez cães da Guarda Municipal de Curitiba foram os primeiros a doarem para o banco curitibano. Os exemplares já doavam quando algum hospital veterinário precisava. Para doar sangue, o cachorro tem que ter pesa mais de 25 kg e ter entre um e oito anos. O cão não precisa ser de raça. Apenas 450 ml de sangue é coletado em um procedimento que dura cerca de 15 minutos. O cachorro pode doar sangue a cada dois meses.

Fonte:http://bandnewsfmcuritiba.com/banco-de-sangue-canino-e-aberto-em-curitiba/